FONTE DO SABER 

 

o perdão como caminho

O PERDÃO, UM CAMINHO

Por que é importante perdoar?
Porque quando perdoamos, rompemos os elos que nos prendem negativamente às pessoas. 
Sempre que nos vemos atingidos por algo que denominamos injustiça, nossa primeira reação é bradar, é tentar de alguma forma, atingir aquele que nos agrediu. Para defendermos nossa imagem moral, atacamos. Justificamos nossas palavras e nossos gestos, através do nosso senso de justiça. E apelamos para que os outros nos apoiem.
Com isso, criamos entre nós e aquele que emitiu uma opinião negativa a nosso respeito ou que de algum modo nos feriu, uma rede de energia que faz com que permaneçamos ligados a ele. Fatalmente, essa pessoa saberá de nosso contra-ataque e se armará contra nós, com armas ainda mais poderosas. Está feito! E a única forma de rompermos com esta teia, é por meio do perdão.
Mas, como perdoar? Será o bastante que eu me aproxime do meu suposto inimigo e lhe diga: "eu o desculpo"? Bastará que eu lhe dê as costas e me afaste para nunca mais voltar?
Então, como?
É preciso que façamos uma análise verdadeira do que nos foi dito, da natureza do gesto que nos foi desferido. Não terá sido um alerta? Desfazer as incompreensões, usando de sinceridade. Se eu digo o que sinto e ouço o que o outro sente, não sobrará espaço para as interpretações pessoais. Não olharei para o futuro como um molde cristalizado das minhas atuações no presente.
A escala evolutiva do ser é bem mesmo como uma escada. Uma escada da qual não vemos o começo. Sequer vislumbramos a sua finalização. Apenas, nela estamos. Se eu olhar para baixo e pensar o quanto já subi, tirarei a atenção dos meus pés e poderei cair. Se olhar para cima e analisar o quanto ainda me falta escalar, o desalento pode acometer-me e meu tombo será imenso.
Cada degrau é um fim em si mesmo. É um meio e uma meta. É preciso que concentremos toda a nossa atenção em cada um deles. Que saboreemos cada conquista que nos trazem. Assim, sem sentirmos, estaremos na senda, percorrendo os caminhos que nos levam à nossa finalidade máxima. Não importa que agora ela não nos seja dada a conhecer. Isso virá no tempo certo. Cada degrau, é uma escalada por si só. E o perdão é um deles. Uma atitude de abertura para si mesmo e para o outro são formas de conquistá-lo.
Pratiquem a calma, respirem devagar e sua capacidade de concentrar-se naquilo que necessitam para o seu crescimento, crescerá e frutificará.

Desconheço o autor


MAIS AQUI                                                            Imprimir